quarta-feira, 23 de novembro de 2011

...Fim do blog?!...



Deixei o blog sem querer, pensei: em só dar um tempo, mas vejo que esse tempo tem se prolongado.
Não sou mais aquele cara desanimado que escrevia aqui. Mudei muito e por vários motivos. No momento que se é mais novo há uma grande necessidade de exibir ao mundo o que somos, principalmente se nos sentimos diferentes. Mas hoje percebo que isso não tem mais importância pra mim, tanto faz se estou "dark", entediado, desanimado ou triste, não tenho mais a necessidade de me expressar de tal forma. Precisei mudar meu jeito pessimista, degradante e as vezes ate melancolico de ser.
O que importa de verdade são as coisas que eu gosto e quem eu sou. Todos nós mudamos, espero que no meu caso tenha sido pra melhor.
Faz tempo que não fico como antes... De verdade, acredito que as coisas tem melhorado.
Não sei se um dia vou voltar a escrever aqui mas quero dizer que esse blog é muito importante pra mim pois conta muito da minha vida e de quem eu sou.
Adorei conhecer todas as pessoas que por aqui passaram  e os que ficaram. e que cada mensagem de vocês foi lida e adquirida. Nunca vou me esquecer de tudo o que este blog representa para mim.
Sentirei falta.
Desde ja agradeço a tds, obrigado amigos, agora sim. E um agradecimento especial a  uma certa pessoa..

Aos q aqui ainda voltarem, quero manter contato ainda com vcs, então podem me add no facebook:
Tony Santana
Agradeço por todo o carinho que eu recebi por todo esse tempo.
Obrigado.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

8 comentários:

Pri disse...

Antonyo boa tarde!
Fico feliz em saber que você está em um bom momento.
Creio que todos nós passamos por esses momentos ou estas fases o importante é cresmos e passamos a conhecer melhor quem somos.
Te desejo tudo de bom,se cuida e fica com Deus.
Pri

Anônimo disse...

espero realment q vc tenha mudado pra melhor, bem, eu smp mei ler seu blog apesar d comentar poucas vezes, sentirei sua falta bezus

Anônimo disse...

Oii Antonyo, sou A Lih do b.p.,nossa, tô mundo feliz com a sua evolução! Era justamente disso que vc precisava. Cara, fiquei feliz mesmo com essa mudança. Tudo de bom pra vc! E olha, faz outro blog... É, faz um contando sobre diversas coisas do seu gosto. Mesmo não te conhecendo, eu tô orgulhosa de vc. Beijos ;*
ahh, vai me ajudar a fazer o blog quando???? rsrs

Anônimo disse...

Oh, eu imaginei q isto aconteceria, mas mesmo assim agora não dá para segurar as lágrimas. Eu sentirei falta dos seus textos, e vou sim fazer um blog p/ mim, e vou lembrar de vc. Sim, é verdade, eu q tenho 17 anos sei disso bem, o blog pra mim era principalmente p/ eu dizer a alguém q onde qr q estivesse pudesse me ouvir: veja, sou assim, ñ sou só + uma, tenho algo d especial. Vc foi uma das pessoas q viu algo em mim q ñ apenas uma CDF isolada. Às vezes dou uma escapada, + sei q as músicas q eu gosto, a arte q eu admiro... td isso me faz sentir pertencente a essa tribo. E, realmente, tanto faz o q vestimos, afinal há qm ñ tenha o q comer, mto menos o q vestir, e há qm pague mais d um milhão em um simples par d sapatos. Roupas servem p/ mtas coisas além d cobrir o corpo, p. ex mostrar aos outros c/ queremos ser vistos. Nosso jeito d vestir isola e agrupa, + ele só reflete outras diferenças + profundas q temos com o resto. [cont]

Anônimo disse...

[continuação]Por Deus, faça um esforço p/ ñ deletar este blog. Eu estive lendo os seus arquivos desde o comecinho e vi c/ as coisas evoluiram na sua vida. Agora espero q ela só melhore e melhore. Q vc seja mto feliz, desde já um feliz natal. beijos .
de sua amiga virtual Chelle ou flor de Lis rsrs.

d. disse...

volta!

Márcia Rocha disse...

Que pena, pois só hoje te descobri...
Espero que reconsidere e volte a postar os Lindos Textos que vi por aqui.
Tenha um Bom Fim de Semana :0)
Beijos Márcia (Rio de Janeiro - Brasil)

http://decolherpracolher.blogspot.com

Antonyo disse...

Oi Marcia, depois de um ano que vim te responder rs, td bem?? Muitas coisas mudaram, mas, preparei outro blog e ainda n tive tempo de postar nada.

Postar um comentário